quarta-feira, 31 de dezembro de 2008

2009!???

Bom, hoje ultimo dia...
finamente dia 31/12, apesar q eu achei q esse ano passou muito rapido, bom, queria dizer q esse ano foi +ou-, a unica coisa boa, foi q conheçi pessoas muito importantes e espero q dure a amizade por muito tempo! Gente muito obrigada a todos q me suportaram nos meus momentos de depre, q eu quase cai....
me fizeram rir, muito obrigada...amo vcs.
e aquelas invejosas, q se explodão...

sejam feliz sempre, e ate ano q vem , e q vem lindo e cheio de coisas boas..

Beijoooos!
e antes q eu esqueça!!


terça-feira, 2 de dezembro de 2008

Dezembro...



Bom, hj é dia 1, e isso me dá medo,pq eu penso no natal, ano novo, e dps ja vai fazer 2 anos q a minha mãe faleceu...dia 12/01...
2 anos...é mta coisa... eu fico tão triste... saudades é demais...
nossa doi doi mtu!! =//
bom, é a vida...=( espero q aonde ela estiver lembre sempre de mim! e como eu a amei e como a amo ainda...=|

Saudades e aperta meu coraçãozinho de um jeito...
Música do dia!!

quinta-feira, 6 de novembro de 2008

é....


http://letras.terra.com.br/wannadies/1095772/
essa musica é mtu boa... =)
beijos...

quinta-feira, 23 de outubro de 2008

What Sarah Said...



eu amo essa musica...
beijosss

segunda-feira, 13 de outubro de 2008

Tô triste...


Não sei se estou triste ultimamente, sinto tanta falta da minha mãe que não tenho nem vontade de levantar da cama, sabe quando você aquela mãe e filha juntas, conversando, fazendo tudo, eu e ela éramos assim super unidas...
Eu queria poder acordar, dar bom dia pra minha mãe, poder conversar com ela,
Queria poder falar que eu a amo, queria poder pedir opiniões, queria ter o apoio dela,
Queria beijar ela, queria tantas coisas...
Hoje eu queria apenas ver ela, poder olhar pra ela, to triste, to com vontade de dormi e não acordar, com vontade de sumir desse mundo, saco cheio de tudo...
Queria poder rir hoje, de felicidade, de alegria, mas to triste, to cansada, de tudo, e não conseguir nada, que inferno porque a vida é assim?
To cansada de escutar só reclamações, to cansada das pessoas que gosto sumirem da minha vida, to podre, to querendo morrer...
Queria morrer só pra poder falar com a minha mãe, será que eu conseguiria?
Pelo menos ver ela... Queria que ela estivesse aqui, assim teria forças pra agüentar, essa vida, que eu não sei o que fazer, não tenho ninguém pra me ajudar, pra me abraçar, to tão triste hoje.. Que morreria de tristeza... Quero chorar acho que vou chorar pra ver se alivia essa dor, meu coração tá tão triste hoje... Só queria a minha mãe...
Eu não desejo isso pra ninguém, é tão triste perder a mãe, nunca queria ter perdido a minha...
To mals!... =”(
vo ver o dvd da minha mãe e tentar matar um pouco da saudade!... =| ...

sexta-feira, 10 de outubro de 2008

Foi assim...


Eu o vi, ele meu viu, a gente converso, e converso, ai a gente dançou, um monte, foi legal, eu curti, ele também, ai fomos embora, e ele foi comigo, então, me dava umas indiretas, ai, derrepente aconteceu a gente se beijou, e foi bom, foi muito bom.
Então aconteceu de novo, mas eu não resisti e o beijei novamente, foi legal, me fez bem, então chegou na minha estação, ele desceu comigo, a gente converso, e se beijou, e foi bom.
Faz tempo.... =)(esse texto é p/ o B (besta, burro e bobo!hahaha) , espero que ele nunca leia!!) (ps o nome dele nem começa com B...)

sexta-feira, 3 de outubro de 2008

Amor Platônico?!

Porque você não some dos meus pensamentos, não desaparece de vez, sem deixar pistas?!
Eu odeio pensar que eu penso em você,
Odeio pensar em tudo que passamos,
Odeio quando você toma conta dos meus pensamentos,
Odeio ouvir uma musica e lembrar de você,
Odeio quando eu acordo e lembro de você,
Odeio o jeito que eu gosto de você,
Odeio sentir sua falta,
Odeio sentir falta do seu cheiro,
Odeio ir a um lugar e lembrar de você,
E o que eu mais odeio e fazer tudo isso, e nunca nem ter tido você!
Eu quero você, e isso não me faz nem um pouco bem, porque eu não posso te ter.

Dicionário:

O amor platônico passou a ser entendido como um amor à distância, que não se aproxima, não toca, não envolve. Reveste-se de fantasias e de idealização. O objeto do amor é o ser perfeito, detentor de todas as boas qualidades e sem máculas. Parece que o amor platônico distancia-se da realidade e, como foge do real, mistura-se com o mundo do sonho e da fantasia.

quinta-feira, 2 de outubro de 2008

Amigos?!


Hoje parece que tem gente com raiva de mim, não sei, acho melhor eu começar a rever meus conceitos sobre amizade, bom ultimamente eu tava considerando um monte de gente, e derrepente as pessoas mudam, de um jeito, q num dá nem vontade de olha na cara dela, estava considerando COLEGAS como amigos e não são, são apenas colegas a conhecidos.
Amizades mesmo acho que só quem é realmente sincero comigo, odeio gente falsa, e isso me irrita, porque eu me preocupo com as pessoas e só tomo.
Mas tudo bem eu vou parar com isso, e ai quero só ver se quem eu considerei amigo, vai vir falar comigo, não sei, talvez não, pois, parece que só tem pessoas falsas na minha vida!
Poxa pensei q teria amizades sinceras, mas pelo jeito não, tudo bem vou parar de me preocupar com essas pessoas, e ai quer saber o que mais, que se foda, eu pensei que poderíamos ser amigos, mas vocês parece ser falsos, ou então num me fala a real, é difícil falar o que acontece pra alguém que te considera amigo mesmo?!
Poxa eu me preocupo pergunto como vocês estão, por que estão chateados, e só tomo patada, porfavor se você quiser ser minha amiga na real, me fala
É triste mesmo a vida, mas é a real, não se pode mudar o jeito das pessoas, só pensei que poderia ter amigos a quem confiar, mas isso não é possível.
(Obrigada Kaju, por me escutar hoje que foi foda!!)

Placebo - Without you I'm nothing.

quarta-feira, 1 de outubro de 2008

Caminho!??



Eu adoro esse lugar...
É o metro Carrão.

Onde vivi as mais coisas loucas da minha vida!
Onde fiquei sabendo de muitas coisas boas pra vida, e ruim também!
Onde recebi noticias ruins, e noticias boas!
Onde fazia piqueniques, dançava musicas da Spices Girls e Hansons!
Onde descobri amigos e fiz amizades eternas!
Onde escutava, a minhas musicas no ultimo volume!
Onde eu comia besteiras!
Onde parava só pra ficar olhando as pessoas!
Onde encontrava muitas pessoas do nada!
Onde ficava parada vendo a avenida e carros, passando!
Onde tem uma igreja fofa!
Onde agüentei passar por muitas coisas difíceis, mas que a gente tem que suportar sempre!
Onde ficava sabendo de fofocas!
Onde eu vi que a família é mais importante que tudo no meu mundo!
Onde curti todos os momentos importantes da minha vida!
Onde estudei muito!
Onde pensei muito!
Onde gostei de pessoas que são importantes para mim ate hoje!
Onde saia só para ver aquela amiga que não estávamos mais estudando juntas!

Enfim, Onde aconteceu tantas coisas, mais tantas, que se eu escrever aqui vai demorar pra acabar!
Eu amo o metro carrão e é pra sempre! =)
(eu passei lá hoje, e veio uma saudade enorme desse bairro, que como eu e minhas amigas falávamos "nossa parece bairro de interior aqui, tudo mundo sabe de tudo, e tudo mundo se conhece!”)...

Passa rápido!


Ultimamente tô achando que o tempo está passando muito rápido, derrepente você acorda, depois já é hora de almoço, depois já é hora de todo mundo sair do trabalho e pronto já é quase meia noite e a maioria das pessoas estão dormindo.
Cada dia que passa parece que eu não fiz nada, parece que não aconteceu nada, só que aconteceu, eu acordei, talvez falei um bom dia pra alguém e já fiz o dia da pessoa melhor, mas ainda sim, fico com aquela coisa na cabeça de que não fiz nada.
As vezes acho que o dia deveria ter umas 36 horas, para poder aproveitar mais, curtir mais, ver por mais tempo por do sol, pode falar com a pessoa que você gosta por mais tempo, poder curtir a família, que as vezes não tem tempo pra você.
Acho que cada um tem que curtir o que mais puder, viver cada dia melhor, e lembrar que tudo passa muito rápido, que temos que curtir, muito mais as coisas, e fazer tudo que queremos e falar tudo o que queremos, pois depois pode ser tarde demais, e acho melhor acordar arrependida do que dormir com vontade.
Mas, enfim, como não temos tanto tempo, vamos curtir às 24 horas do melhor jeito e com as melhores coisas, e faça tudo o que você quiser agora, depois pode ser tarde.
Enfim, hoje já é dia 1 de outubro!! Só falta 80 dias p/ 2009!!! =D
Beijos!

terça-feira, 30 de setembro de 2008

Boys and Girls.

Amor.





Sabe que ate hoje eu não sei o que é o amor, amor mesmo, sabe aqueles que você enlouquece pensando, num dorme a noite com vontade de sentir de novo aquele sentimento, é complicado pensar nisso, porque quando eu começo a pensar vem um monte de perguntas na minha cabeça, tipo, porque sentir amor, se um dia vai acabar?Ta, talvez não acabe, mas será q acaba?!
Porque saber se aquela pessoa te ama também? e se talvez, não de certo?
Muitas coisas... E também começo a pensar, como vou amar alguém sendo que ta tão difícil conseguir uma pessoa que realmente mereça meu amor, porque eu acho que o amor não é uma coisa que você entrega tipo um presente, é uma coisa que você sente por alguém que realmente mereça...
Talvez daqui um tempo eu consiga sentir isso realmente por alguém, pois ultimamente, acho muito difícil, pois todo mundo quer curtir e eu também quero, acho que existe uma hora que você sente que precisa desse sentimento.
Não se sentirei, pode ser que sinto, não sei, tanto que amor é uma das coisas que você não sendo quando quer, você sente quando menos espera!...
Mas, o amor é lindo e vale realmente a pena curtir cada momento com a pessoa que você ama, que você tem certeza que ama, se não tem certeza não fala que ama, fala que gosta muito.
Não de esperanças, quando não tem certeza, mas como eu sempre digo “ninguém sabe o futuro!”.
Ahhh e também tem uma diferença entre amor e paixão, não esqueça...
Depois termino de escrever... Beijos!!

segunda-feira, 29 de setembro de 2008

Saudade.

Eu particularmente não gosto de sentir saudade, acho que é ruim demais, dói, é como se alguém pegasse e apertasse seu coração até você sentir que vai parar e quando ele quase para, ele volta e dolorido você chora de dor.
Quando era menor achava que ninguém morreria, principalmente mãe e pai, achava que eles eram pra sempre, quase um conto de fadas, a mãe e o pai, tinha vida eterna, e ai a filha, casa e vive feliz pra sempre, podendo visitar a mãe e o pai sempre que quisesse.
Era só estória e eu acreditava, depois você cresce e vê que o mundo não é nada daquilo que você sonhou, aquilo que você via na t.v., é tudo muito diferente.
Quando eu era mais nova, meu pai tinha um bar e eu vivia lá, era tão legal, eu saia de casa ia pra lá, almoçava com a minha mãe, depois saia e ia pra escola, ai na volta passávamos num carrinho de lanche e comprávamos coisas pra comer, e íamos comendo, ai chegava no bar, porque eu ia embora só com a minha mãe e meu pai, quando eu chegava no bar, ia direto para a cozinha que praticamente era sala junta, ai minha mãe ia pra lá também e ficava conversando por horas, sobre tudo, eu contava as minhas coisas, e ela me contava as coisas dela, as fofocas de família ou simplesmente eu e ela ficamos juntinhas só vendo t.v. Resumindo nós conversávamos muito.
A minha mãe sempre se importava sobre o meu futuro, e ela era a pessoa que eu falava “mãe, quero ser isso!” E ela “você vai conseguir!”.
Mas, acho que uma das coisas mais tristes de sentir saudade, é quando você não pode acabar com ela, não tem como acabar, eu tenho só metade do meu coração, uma boa parte dele e uma boa parte da Sarah não existe mais e provavelmente não irá mais existir.